Série de encontros deve se tornar projeto fixo do Parque

 In Cultura, Noticias

Falando de Histórias chega à terceira reunião surpreendendo os organizadores.

A ideia era ajudar o trabalho dos historiadores que estão produzindo a Coleção Imigrantes, uma série de livros composta de quatro obras que contam a história da imigração holandesa nos Campos Gerais. Começou com uma sugestão do presidente da Associação do Parque Histórico de Carambeí, Dick de Geus, que propôs reunir membros da comunidade carambiense para conversar com os autores. Além da fonte para os livros, foi observada a oportunidade de reforçar o vínculo da população com o Parque e, com estes objetivos, o projeto Falando de Histórias tomou forma.

Ainda na primeira edição, que ocorreu em 5 de novembro, os organizadores notaram a potencialidade dos encontros. Com a segunda reunião, no dia 29 de novembro, já percebiam que as informações obtidas com os debates excederiam a capacidade física dos livros. Para o organizador da coleção, professor Niltonci Chaves, a aceitação da comunidade em participar dos encontros foi fundamental para a qualidade do material que é produzido com as discussões.  “Percebemos o prazer, a alegria com que as pessoas se dispõem a ajudar e contar suas histórias. Isso é primordial para a construção do acervo dos imigrantes”, relata. Toda a informação que não for utilizada nas publicações será armazenada digitalmente.

Doze temas são debatidos, visando a produção das duas próximas obras da coleção, que já tem um livro publicado. Os assuntos são: culinária, meio ambiente, religiosidade, educação, artes, técnicas agrícolas, cooperativismo, arquitetura, imigração, sociedade, mulheres e memórias.

O Falando de Histórias chegou a sua terceira reunião na última quarta-feira (dia 15) e promete se tornar um grande projeto do Parque Histórico..

Recommended Posts

Leave a Comment

Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Not readable? Change text.