GLOBO RURAL: Revista destaca investimentos das cooperativas do PR em industrialização

 In Clipping, Cooperativismo

A edição nº 31 da revista Globo Rural, elaborada especialmente para o 23º Show Rural Coopavel, ocorrido entre os dias 07 e 11 de fevereiro, traz uma reportagem destacando os investimentos das cooperativas do Paraná em agroindustrialização. A matéria, de autoria do jornalista Valtermir Soares Jr., começa mostrando os avanços alcançados pelo setor nos últimos dez anos, seja no aumento de cooperativas, expansão no número de cooperados e no faturamento anual. “A participação das cooperativas na economia do estado pode ser sentida também nas exportações (de R$ 633,8 milhões para R$ 1,65 bilhão), na arrecadação de impostos (de R$ 412,8 milhões para R$ 1,1 bilhão) e na oferta de empregos diretos (as vagas ocupadas subiram de 27,3 mil para 63,5 mil)”, diz a reportagem, ressaltando que o horizonte se mostra mais promissor ainda para o setor se forem considerados os aportes de investimentos planejados para 2011, no valor de R$ 1,3 bilhão, sendo que a maior parte – R$ 900 milhões – será destinada a projetos agroindustriais.

Estabilidade – A matéria lembra ainda que, por meio do processamento da matéria-prima fornecida pelos cooperados, as cooperativas do Paraná aumentam a renda dos agricultores, ganham competitividade e se protegem da oscilação de preço das commodities. “A oferta de produtos com maior valor agregado, assim como o crescimento da atuação no mercado, possibilitou que tivéssemos mais estabilidade e segurança em apoiar ações de trabalho de nossos associados”, afirma o presidente da Ocepar, João Paulo Koslovski, na reportagem. A revista traz como exemplos os investimentos feitos pela Cocari, de Mandaguari, no valor de R$ 115 milhões destinados à implantação de um complexo de processamento de aves. Mostra ainda que a Batavo, de Carambeí, está aplicando R$ 40 milhões na construção de um novo laticínio em Ponta Grossa, com capacidade de processar 400 mil litros por dia de leite. Traz ainda informações sobre os R$ 300 milhões que a Frimesa, de Medianeira, pretende investir até 2016, quando deverá finalizar um dos maiores projetos de industrialização de suínos do Paraná. A matéria sobre os investimentos das cooperativas também é ilustrada com a iniciativa da Coopavel, de Cascavel, que, preocupada em encontra um canal de escoamento para o trigo, está construindo um moinho, cujos investimentos deverão somar R$ 33 milhões até 2012, e que terá capacidade de processar 400 toneladas de trigo por dia.

Confira na íntegra a reportagem em:
Ocepar – Organização das Cooperativas do Estado do Paraná

Recent Posts

Leave a Comment

Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Not readable? Change text. captcha txt