2° Livro da Coleção Imigrantes será lançado na Festa do Centenário

 In Brasil Holanda, Festa do Centenário

Obra trata de aspectos da vida de Carambeí ao longo dos seus cem anos

O livro Falando de Histórias – volume I será lançado no dia 04 de abril, durante a Festa do Centenário, em Carambeí.

Capa do Falando de Histórias - Volume I

A obra é o primeiro volume de uma coletânea de doze temas sobre a vida dos imigrantes holandeses em Carambeí desde a sua fundação, há cem anos. Os assuntos abordados na edição são: sociabilidades, religiosidade, mulheres, arte e cultura, arquitetura e cooperativismo. Outros seis temas vão compor o próximo volume.

A produção da obra envolveu vários historiadores e teve a curadoria da Associação do Parque Histórico de Carambeí e organização do professor Niltonci Chaves. Durante as pesquisas, os escritores contaram com a colaboração da comunidade, que participou da série de encontros Falando de Histórias, realizados na Casa da Memória.

Segundo o professor Chaves, a utilização do nome dos eventos para o título dos livros não estava programada. “Estávamos com os textos quase finalizados quando surgiram os encontros Falando de Histórias, mas a participação da comunidade foi de tamanha contribuição, que nada mais justo do que dar o nome das reuniões para as obras”, explica.

Falando de Histórias – volume I é o segundo livro da Coleção Imigrantes, composta de quatro obras sobre a história da imigração holandesa nos Campos Gerais e o periódico Almanaque Imigrantes. A coleção teve início com a publicação “Perspectivas da Imigração Holandesa no Campos Gerais – Quatro Séculos de Patrimônio (2010) e será concluída com o lançamento do Falando de Histórias – volume II e uma quarta obra, ainda sem título, que cobrirá os eventos do Ano da Holanda no Brasil.

Falando de Histórias – Os encontros

A ideia era ajudar o trabalho dos historiadores que estão produzindo a Coleção Imigrantes. Começou com uma sugestão do presidente da Associação do Parque Histórico de Carambeí, Dick de Geus, que propôs reunir membros da comunidade carambiense para conversar com os autores. Além da fonte para os livros, foi observada a oportunidade de reforçar o vínculo da população com o Parque. Para alcançar o objetivo, foram realizados três encontros no fim de 2010, com doze temas sendo debatidos. Os assuntos são: culinária, meio ambiente, religiosidade, educação, artes, técnicas agrícolas, cooperativismo, arquitetura, imigração, sociedade, mulheres e memórias.

Leia mais sobre os encontros cliquando aqui..

Recommended Posts

Leave a Comment

Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Not readable? Change text. captcha txt