Imigração Holandesa: A tradição que vem do berço

 In Brasil Holanda, Clipping

Há cinco décadas, quando partiu da Holanda para Não-Me-Toque, Cornelia Maria Josepha Van Riel nasceu de novo. No berço da imigração holandesa do Rio Grande do Sul, viu surgir um novo rumo para a vida dos pais e dos 11 irmãos. Hoje, com cerca de 250 famílias de descendentes, o município de 15,9 mil habitantes no norte gaúcho prepara-se para ser palco do lançamento do Ano da Holanda no Brasil.

Aos 70 anos e com sotaque europeu, Cornelia ainda lembra do desembarque no Rio de Janeiro, em 1952, aos 11 anos. Em casa, preserva a cultura holandesa com objetos e esculturas que vão dos moinhos às ferramentas agrícolas. No quarto, guarda roupas típicas e até uma pantufa amarela em formato de tamanco.

Leia na íntegra.

Recommended Posts

Leave a Comment

Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Not readable? Change text.