Valtra apresenta tecnologias para intensificar a produção cafeeira em Minas Gerais

 em Clipping

O bom momento vivido pelo produtor que cultiva café e milho em Minas Gerais gera boas expectativas de negócios para a Valtra, uma das líderes do mercado nacional de máquinas agrícolas e que participa da Expocafé em Três Pontas. A marca leva à feira seus principais produtos e tecnologias para intensificar a produção agrícola, mantendo o estado entre os principais players do agronegócio brasileiro.

 

Para as etapas produtivas do café, protagonista do evento, a Valtra apresenta seu trator BF75 4X4, 75cv, com design e robustez apropriados para a cultura e líder do mercado de máquinas para o cultivo do grão. “Os produtores sabem negociar muito bem diante do excelente preço da commoditie e investem cada vez mais no seu negócio. Por isso o BF75, que é uma máquina completa, tornou-se líder de mercado no Sul de Minas Gerais”, afirma Luiz Fernando Barroso, coordenador comercial da empresa.

 

Minas Gerais deverá ter uma produção recorde de café e grãos em 2012. É o que indicam as previsões de safra divulgadas pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A produção mineira deverá ficar entre 25,5 milhões e 27,1 milhões de sacas (60 kg). Os números superam os recordes de 2002 e 2010, quando o Estado produziu 25,1 milhões de sacas. Um dos aspectos que justificam os resultados, de acordo com o secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais, Elmiro Nascimento, é o resultado da melhoria dos tratos culturais nas lavouras.

 

Prova do argumento do secretário é o aumento da procura dos produtores cafeeiros por tecnologias avançadas, como o piloto System 150 da Valtra. Desenvolvido pela área de ATS da AGCO, a ferramenta oferece um maior rendimento à produção e ainda melhor qualidade de grãos no final do processo. “Temos casos de produtores mineiros de café tipo exportação que têm aplicado o piloto automático em etapas de preparo do solo, como a sulcação. A possibilidade de regulagem de distância entre as linhas do plantio e o aproveitamento do tempo, com a oportunidade de trabalhar até mesmo à noite, tem gerado resultados efetivos”, observou Rafael Antônio Costa, gerente de marketing de produto ATS da AGCO.

 

Para ler na íntegra, clique aqui. 

 

Leia também em:

Grupo Cultivar

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário

Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Não pode ser lido? Mude o texto. captcha txt