Cooperativas Batavo (Frísia) e Castrolanda lançam nova marca

 In Clipping

Uma das mais expressivas bacias leiteiras do país dá um passo estratégico no mercado. As cooperativas Batavo (Frísia) e Castrolanda formaram uma parceria comercial e operacional para as indústrias de lácteos, lançando uma nova marca no mercado, a Colônia Holandesa. A parceria intercooperativas será oficializada no dia 07 de agosto, às 11h00, no Parque Dario Macedo, em Castro – PR, durante a abertura da Agroleite 2012. O evento lançará a marca Colônia Holandesa, e contará com a participação do governador Beto Richa e autoridades locais.

Com as fusões e aquisições no mercado de laticínios, esta ação estratégica fortalece o cooperativismo, com alta capacidade de inovação e gestão profissionalizada em nível industrial e comercial.

O nome da nova marca faz menção a região que remete à excelência pecuária, onde localizam-se as duas plantas industriais, nos Campos Gerais do Paraná. Além disso, a região tem o reconhecimento centenário pela qualidade e tradição de produtos holandeses na área de lácteos. Assim, nasce uma nova e já consolidada marca, Colônia Holandesa, que traduz o carinho e experiência, aliados à segurança alimentar que a tecnologia empregada nos processos de produção garante.

A Colônia Holandesa possui as seguintes linhas de produtos: leite UHT integral, leite UHT semidesnatado e leite UHT desnatado, e recentemente lançou o leite condensado em caixinha de 395g. Estes produtos já estão disponíveis nas principais redes supermercadistas da região. As duas indústrias também operam como prestadoras de serviços para empresas do setor, fabricando as outras linhas de produtos.

Para o Presidente da Cooperativa Batavo, e Diretor da Ocepar, Renato Greidanus, entre os princípios do cooperativismo, o sexto, que trata da intercooperação, comprova que as cooperativas estão praticando o “espírito cooperativo”, expressando a união de esforços para atender seus associados de forma efetiva, fortalecendo o movimento cooperativo, trabalhando juntas por meio de estruturas regionais.”O movimento de fusões e aquisições tem sido expressivo entre as empresas do setor nos últimos anos, criando um ambiente de dinamismo. Com esta parceria, enfrentamos o mercado com o mesmo dinamismo, aumentando nosso mix de produtos, revertendo um pouco o perfil de prestadores de serviços. Estamos investindo cada vez mais, beneficiando os consumidores e oferecendo ao produtor rural associado uma alternativa rentável e estruturada no mercado”, avalia Renato.

Para ler na íntegra, clique aqui. 

 

Leia também em:

Eco Finanças

Milk World

Recommended Posts

Leave a Comment

Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Not readable? Change text.