Espaço da Memória Feminina – Conheça a exposição de longa duração da APHC

 In Destaque, Noticias

Parque Histórico de Carambeí dedica exposição ao papel da mulher na comunidade.

Depois de um ano fechada a Casa Portuguesa, cenário que representa a construção mais antiga de Carambeí, abrirá as portas com uma nova exposição de longa duração. O ambiente que fica na Casa da Memória, do Parque Histórico de Carambeí, receberá o Espaço da Memória Feminina e a partir do dia 8 de abril abrirá ao público com entrada gratuita.

Reprodução da Casa Portuguesa

“A escolha do espaço que abrigará a exposição não é mero acaso. A Casa Portuguesa, também conhecida como Casa da Sinhara, tem uma grande representatividade na história da cidade pautada na figura histórica da Sinhara do Carambeí, Francisca de Paula Lima”, Felipe Pedroso, historiador, coordenador cultural do Parque Histórico de Carambeí e curador da exposição, explica que todos os detalhes foram pensados durante a concepção do Espaço da Memória Feminina.

O ambiente foi idealizado, em 2014, pelo historiador durante a elaboração de uma mostra direcionada as mulheres imigrantes e descendentes que moram, ou moraram em Carambeí. “Quando fiz a curadoria da exposição Beleza e Vaidade Feminina – no início o século XX percebi que havia uma necessidade em trazer essa narrativa da história da mulher imigrante para um lugar de protagonismo. É claro que a mulher estava retratada em praticamente todos os ambientes temáticos do Parque Histórico, no entanto, senti a necessidade de dar vozes a essas mulheres que muitas vezes eram representadas em segundo plano”.

O curador conta como foi a metodologia para criar o Espaço da Memória Feminina. “A elaboração da exposição passou por um processo de pesquisa colaborativa, baseado nos conceitos da história oral, realizado em duas rodadas de conversa foram coletados relatos de senhoras da comunidade local. A partir disso, fomos dando sentido aos objetos que pertenceram as mulheres do passado e inserindo na perspectiva das senhoras entrevistadas. Assim, podemos dizer que essa é uma história das mulheres contada por mulheres e o meu papel como curador é basicamente instrumental, ao aplicar essas vozes nos conceitos da museografia”.

O Espaço da Memória Feminina tem a finalidade de representar todas as mulheres de Carambeí e serão abordadas as seguintes temáticas: difusão do saber culinário, sociabilidade, vestimentas e indumentárias, trabalho, religiosidade e lazer. “Quem prestigiar a exposição poderá perceber que um dos elementos busca aproximar e representar todas as mulheres independe de cor, raça e etnia. O principal objetivo da exposição é evidenciar qual era o papel da figura feminina na sociedade e seu espaço de ocupação”, finaliza o historiador.

Recommended Posts
Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Not readable? Change text. captcha txt