O VI Festival de Tortas de Carambeí será no Parque Histórico

 em Destaque

O mais doce e saboroso evento dos Campos Gerais está chegando.

A sexta edição do Festival de Tortas de Carambeí acontecerá entre os dias 12 e 14 de outubro, das 10h às 20h, no Pavilhão de Exposições Frísia – anexo ao Parque Histórico e a entrada será gratuita. A tradicional feira que colocou o município na rota do turismo gastronômico é uma realização do Parque Histórico de Carambeí e da Prefeitura Municipal, que contam com o apoio da Frísia Cooperativa Agroindustrial.

O coordenador cultural e historiador do Parque Histórico, Felipe Pedroso, fala o quanto é relevante para a instituição sediar um evento como este. “É importante para o Parque Histórico participar da organização de um evento consolidado como esse, pois estimula a prática culinária e promove o patrimônio imaterial local”.

A tradição de chá com bolo, no período da tarde, é muito expressiva entre os imigrantes e descendentes de holandeses. Minnie Boer tem descendência holandesa, é confeiteira artesanal e vê no evento uma oportunidade para manter vivo o costume de sua família. “Minha mãe sempre fez bolos em casa, na minha casa sempre tem bolo e não tem nada mais holandês que tomar café da tarde com bolo. Claro que com o passar dos anos e para o Festival de Tortas precisamos adaptar as receitas, colocar cremes e confeitos. Mesmo assim estamos mantendo viva e difundindo a herança cultural holandesa do café com bolo durante a tarde”.

Felipe reforça que no município a tradição do café com torta é um costume trazido pelos neerlandeses. “As diversas etnias migratórias que se estabeleceram em Carambeí trouxeram consigo a tradição europeia da confeitaria. Em terras brasileiras essas tradições sofreram transformações e adaptações de receitas simples que passaram a preparos mais sofisticados, a comunidade holandesa foi a principal responsável por difundir o gosto pelas saborosas tortas servidas habitualmente em seus café e festejos”.

Para a secretária municipal de desenvolvimento, Aline Valer, o evento foi fundamental para colocar Carambeí na rota do turismo gastronômico. “A tradição das tortas em Carambeí precisa ser conhecida, valorizada e o Festival de Tortas é a melhor forma para reconhecer as confeiteiras artesanais que mantêm essa herança cultural viva, e os cafés que atraem turistas para o município. O evento nos colocou no roteiro do turismo gastronômico e durante o ano todo recebemos muitos visitantes motivados em degustar as famosas tortas de Carambeí”.

Conhecida em toda a região, a cidade recebe turistas em busca de um saborosa experiência gastronômica que inicialmente foi promovida pelo Frederica’s Koffiehuis, primeiro café da cidade, que se fortaleceu com o evento das tortas. A confeiteira e proprietária do café, pioneira neste ramo de atividade, Frederica Dykstra constata que o festival é uma oportunidade para fortalecer o desenvolvimento do gastronômico na região. “Desde as primeiras edições, o Festival tem sido uma ótima oportunidade para o Frederica’s em expor e divulgar seus produtos e, junto as outras empresas participantes, colocar Carambeí em evidência, auxiliando o desenvolvimento do Turismo Gastronômico da Região dos Campos Gerais”.

Proprietário do estabelecimento Tortas Wolf, Diego Wolf, relata a experiência de sua família com o Festival de Tortas, afirma que o evento foi essencial para a abertura e divulgação da sua empresa. “Começamos a participar do Festival de Tortas na segunda edição, na época minha mãe Maria Terezinha Wolf fazia bolos em casa e com o tempo foi aprimorando seu trabalho, a demanda cresceu devido a divulgação no evento e nos fez sonhar em abrir um café. Faz três anos que abrimos o Tortas Wolf e já estamos ampliando pela terceira vez”.

Minie Boer, faz bolos e tortas por encomendas, também começou a participar do evento na segunda edição e diz-se motivada pelo público. “Adoro o clima de feiras, acho uma delícia conversar com as pessoas, é claro que sempre tem retorno financeiro e que é uma ótima divulgação. Após os eventos sempre temos novos clientes, por mim o festival nunca vai acabar e enquanto puder vou participar”, finaliza.


Postagens Recomendadas
Contate-nos

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Não pode ser lido? Mude o texto. captcha txt