Parque Histórico lança exposição sobre a indonésia

 In Destaque, Noticias

Indonésia – A presença Oriental em Carambeí é a nova exposição do museu Parque Histórico. A mostra criada para falar dos imigrantes indo-holandeses está no piso superior da Casa da Memória e abre ao público de terça a domingo, das 10h às 17h, com entrada gratuita.

A exposição estava na programação cultural do museu e deveria ser lançada no ano de 2020, mas com à pandemia o museu fechou por um período e agora com a reabertura da Casa da Memória o público poderá visitá-la e conhecer a história da imigração de indivíduos das Índias Orientais Holandesas (atual Indonésia) em Carambeí. O historiador e coordenador cultural do Parque Histórico, curador da exposição, Felipe Pedroso contou como foi o método para estruturar a mostra. “A realização da exposição Indonésia – A presença Oriental em Carambeí é fruto de um árduo trabalho de mais de 5 anos, entre pesquisa intensa e aquisição de acervo, entrevistas, conversas e mais pesquisas. A abertura estava programada para abril de 2020, mas a pandemia adiou nossos planos, dessa forma pudemos dar atenção aos mínimos detalhes, experimentamos a criação de um cenário tropical imersivo e com peças que representam bem essa cultura.”

Trajes típicos da Indonésia

Pedroso é encantado pela cultura indonésia, relata que pesquisar sobre o tema e se aprofundar na trajetória desses imigrantes foi a motivação que precisava. “Ter feito a curadoria dessa exposição foi uma honra, sempre tive muito respeito e admiração por essa comunidade de imigrantes. Quando iniciei o projeto de coleta de entrevistas com sujeitos de outras etnias que não a holandesa, pude me deparar com histórias realmente comoventes, são trajetórias sensíveis inerentes ao contexto que essas pessoas viviam. Isso me deu mais impulso para preparar uma exposição memorável que os representasse.”

Os visitantes do museu e muitos moradores de Carambeí não entendem a relação da Indonésia com a imigração holandesa, até mesmo não sabem que no município existem imigrantes e descentes dessa etnia. A exposição irá auxiliar os mediadores a contarem a história desses imigrantes, a relação com a Holanda, a influência dessa cultura na comunidade e na gastronomia. “A Holanda colonizou a Indonésia do século XVII à 1949, que naquele momento se chamava Índias Orientais Holandesas, após a Segunda Guerra Mundial e com um levante nacionalista, conquistaram a independência e expulsaram todos os holandeses e os “indieschs” ou “mestiços” do arquipélago – pessoas que eram fruto de um relacionamento interétnico – algumas dessas 300.000 pessoas acabaram por ser firmar na colônia de Carambeí. É sobre elas que essa exposição trata”, explica o historiador.

Recommended Posts
Contate-nos

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Not readable? Change text. captcha txt