0

ExpoFrísia evidencia parceria entre Parque Histórico e Cooperativa

Foto: Janus Katsman

Feira de agronegócios dá visibilidade ao setor, é oportunidade para produtor conhecer novas tecnologias e a aperfeiçoar seu trabalho.

A ExpoFrísia é uma consolidada feira de agronegócios que está na 14ª edição, acontecerá entre 26 e 28 abril, realizada pela Frísia Cooperativa Agroindustrial. O evento será no Pavilhão de Exposições da cooperativa, anexo ao Parque Histórico de Carambeí, a entrada será gratuita e também dará acesso para visitar as instalações do museu.

Cornélio de Rooy, produtor rural e vice-presidente da Associação Parque Histórico de Carambeí, relata a importância da parceria entre o Parque e Frísia. “O Parque Histórico é o maior museu histórico a céu aberto do Brasil, um memorial da imigração holandesa que em suas coleções retrata a história da fundação da cooperativa e as transformações pela qual passou. A Frísia é uma das principais mantenedoras da instituição, a parceria com o museu evidencia a trajetória do cooperativismo presente na identidade e narrativa da instituição e a ExpoFrísia é a ação do cooperativismo hoje”.

O agropecuarista Leonardo Los, cooperado há 30 anos, possui grande parte do seu rebanho de gado holandês, explica como a feira agrega no seu trabalho. “A ExpoFrísia mostra a evolução genética do rebanho da nossa região para todo o Brasil, as novas tecnologias que o mercado está trazendo para nós produtores. É uma excelente oportunidade para o produtor, como eu, conhecer novas técnicas que são apresentadas no evento para melhorar a qualidade do produto entregue na cooperativa, assim também melhorando o custo de produção”.

Para o produtor que também integra a direção da Frísia, Janus Katsman, além da troca de experiências que o evento proporciona aos produtores, de ser uma oportunidade para adquirir conhecimento, a ExpoFrísia traz visibilidade para o setor. “Para a região e para a cooperativa, é uma importante vitrine, mostrando a qualidade do rebanho aqui existente, reflexo dos muitos anos de dedicação e investimentos por parte dos produtores.”

Mais informações e a programação completa do evento no site http://www.expofrisia.com.br.

0

Parque Histórico participa de ação global realizada na internet

MuseumWeek movimenta redes sociais com participação de instituições culturais que fazem post relacionados a temática do evento.

Parque Histórico de Carambeí integra mais uma vez o grupo de intuições culturais que participam do #MuseumWeek. O evento que acontece entre os dias 23 e 29 de abril é uma ação global realizada por meio das redes sociais, principalmente no Twitter e permite que as instituições mostrem seus bastidores em conformidade com o tema definido para cada um dos dias.

Esta é a terceira edição que o Parque Histórico de Carambeí participa do MuseumWeek e o coordenador cultural e historiado da instituição, Felipe Pedroso, relata a importância de um evento como este. “Participamos do MuseumWeek desde a primeira edição, e é um momento em que as instituições do mundo inteiro se abrem para mostrar seus bastidores e seus acervos, em conformidade com o tema sugerido na edição, existe também um diálogo entre as instituições participantes que acabam postando curiosidades sobre suas coleções. São sete dias em que o museu instiga seu público a conhecer mais da instituição, usando da linguagem do mundo virtual”.

Nesta edição, são temas do evento museal a tolerância, cidadania e convivência e para cada dia da semana será utilizada uma hashtag diferente. Confira a temática e sua respectiva hashtag para cada dia do MuseumWeek: segunda (23) será postado sobre mulheres #WomanMW, a terça (24) foi escolhida para falar da cidade #CityMW, já na quarta (25) serão feitos posts relacionados a herança #HeritageMW, a temática da quinta (25) é profissões #ProfessionsMW, o dia destinado para as crianças é sexta (27) #KidsMW, o sábado (28) será dedicado a natureza #NatureMW e no domingo (29) último dia do evento será falado sobre diferenças #DifferenceMW.

 

0

Parque Histórico prepara almoço especial para ExpoFrísia

Em virtude da ExpoFrísia, conceituada feira agropecuária realizada pela Frísia Cooperativa Agroindustrial que acontecerá entre os dias 26 e 28 de abril, o Koffiehuis Confeitaria e Restaurante Parque Histórico de Carambeí preparou um cardápio especial de almoço.

O estabelecimento gastronômico conhecido por servir almoço típico holandês e indonésio, aos finais de semana e feriados, para atender o público da feira servirá o cardápio diferenciado durante a semana das 12h às14h.

No site do Parque Histórico (http://www.aphc.com.br/cardapio/) já está disponível o menu criado para ExpoFrísia. Mais informações e reservas pelo telefone 42 3231-5876, ou e-mail koffiehuis@aphc.com.br

0

Festa dos Imigrantes pretende conquistar público com menu étnico

Parque Histórico terá praça de alimentação com opções de receitas tradicionais e pratos criados especialmente para o evento.

Expositores da praça de alimentação da Festa dos Imigrantes, que acontecerá entre os dia 4 e 6 de maio, criam novos pratos e aperfeiçoam receitas para atender ao público. Entre as atrações da festividade o espaço gastronômico é destaque pelos produtos diversificados e singulares, o cardápio étnico proporcionará aos visitantes vivenciarem diferentes culturas pelo paladar.

Padre Wilson Morais, reitor do Seminário Propedêutico Mãe da Divina Graça de Carambeí, sente-se animado em integrar o grupo de expositores da praça de alimentação. “Participar da Festa dos Imigrantes significa festejar o dom das culturas; também estar em um evento diversificado, pensado, preparado. Notar a alegria e empolgação da equipe do Seminário que se envolve para fazer com carinho e oferecer algo com qualidade. É envolver-se na história do Parque, ser algum sinal de Deus para as pessoas”.

Entidade participa de mini curso para preparar receita oriental na Festa dos Imigrantes

O Seminário Propedêutico representará a cultura oriental na festividade. “Escolhemos fazer yakissoba porque é um prato completo e muito delicioso, tradicional da cultura chinesa em nossa região é difundido pelos descentes de japoneses”, explica Pe. Wilson.

Ana Maria da Silva, integrante da Associação Cooperadores Amigos do Seminário Mãe da Divina Graça (Acaseg), conta que a comissão inicialmente ficou assustada, mesmo assim atendeu prontamente ao pedido feito pelo padre e aceitou o desafio de participar da Festa dos Imigrantes com um prato especial. “No início ficamos um pouco apreensivos, pois nunca fizemos yakissoba. Porém decidimos mais uma vez em nome do Seminário correr atrás e aceitar o desafio. Buscamos um descendente de oriental que nos deu um mini curso para aprendermos a receita. Foi uma experiência muito legal! Roberto Nakamura nos passou os ingredientes para preparar uma receita para 30 pessoas, nos ensinou passo a passo desde os cortes até o preparo final do prato, tudo isso com um toque especial japonês”.

Sanduíche feito com hambúrguer artesanal de cordeiro foi criado para compor o cardápio do evento

A Festa dos Imigrante, além das entidades também conta com expositores que possuem empresas do ramo alimentício e que estão se preparando especialmente para o evento. Cesar Augusto da Luz, proprietário do Food Truck Cesinha Burguer, preparou novidades para a festividade. “É sempre um privilégio estar nos eventos do Parque Histórico, me sinto em casa e a cada comemoração é um novo desafio. Gosto muito de desafios, sempre busco novidades e criei três sanduíches especialmente para a Festa dos Imigrantes”.

Como neste evento a praça de alimentação é composta só por produtos étnicos, Cesar precisou adaptar seu cardápio. “Pesquisei, fiz experimentos e criei novos lanches. Lançarei um Burguer Libanês feito com hambúrguer artesanal de cordeiro, um Burguer Tailandês levemente picante e agridoce, e claro que não poderia faltar um especial que é o Burguer dos Imigrantes”, afirma o empresário.

“É gratificante perceber que os expositores entendem a proposta e o conceito da Festa dos Imigrantes, que apostam junto com o Parque Histórico para celebrar o multiculturalismo da região. Para nós é muito importante ter parceiros assim”, alegra-se Felipe Pedroso coordenador cultural do Parque Histórico.

“Queremos fazer bonito, já que é a primeira vez que esse prato será feito no evento. Sabemos que o público é intenso, não queremos decepcionar e sim levar ao Parque uma boa imagem do nosso trabalho na Acaseg. As irmãs Kowal, voluntárias do nosso grupo, estão trabalhando com a decoração do nosso espaço que ficará lindo com toda certeza. Agradecemos imensamente o convite e confiança em nós depositada, pois com os valores arrecadados ajudamos a manter o Seminário”, finaliza Ana.

 

0

Parque Histórico se prepara para Semana Nacional de Museus

Núcleo Educativo desenvolve atividade especial para receber grupos escolares durante evento museal.

Museus hiperconectados: novas abordagens, novos públicos – esta foi a temática escolhida pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) para a 16ª Semana Nacional de Museus, que acontecerá entre os dias 14 e 20 de maio, com o intuito de celebrar o Dia Nacional de Museus (18 de maio). O Parque Histórico de Carambeí, neste período, se unirá a instituições museais brasileiras e realizará atividades especiais voltadas para o evento.

O coordenador cultural e historiador do Parque, Felipe Pedroso, afirma que é valoroso para a instituição participar deste evento. “A Semana Nacional de Museus é importantíssima para o setor, mais uma vez o Parque Histórico integra junto com museus do Brasil todo as atividades coordenadas pelo Ibram”.

A temática que norteia o evento neste ano vai além dos recursos tecnológicos, explica Felipe. “Museus hiperconectados: novas abordagens, novos públicos, expande para outras maneiras de se conectar com o público. No caso do Parque Histórico com o tema podemos mostrar a aproximação do museu à comunidade local e o seu entorno”.

Para essa edição da Semana de Museus o Parque Histórico está com uma programação diferenciada preparada pelo Núcleo Educativo da instituição. As ações são voltadas ao público escolar, será realizada visita guiada pelo museu e Oficina de Fotografia e Narrativa – A História que eu quero contar. A atividade desenvolvida para o evento, foi definida com base na temática escolhida pelo Ibram, utiliza da tecnologia da fotografia e problematiza.

A oficina é uma ação educativa que consiste em uma passeio pelo Parque Histórico acompanhado das fotos do acervo do museu que contribuíram para a montagem da Vila Histórica. Em seguida os alunos terão uma aula final de fotografia, onde será feito o convite para que eles tirem fotos de casas, pessoas e objetos pessoais que acharem importante registrar como parte de sua história.

“Esta ação busca problematizar a história e a fotografia, conscientizar os estudantes de sua condição de sujeitos históricos e produtores de memória quando utilizam a fotografia. A finalidade é problematizar a imagem como uma produção de memória, o que registrou, quem registrou e porque a foto conta mais do que aparenta”, explica Lucas Kugler historiador do Núcleo Educativo da instituição.

Mais informações pelo e-mail agendamento@aphc.com.br.

0

Há sempre um bom motivo para tomar café no Parque Histórico

No Koffiehuis Confeitaria e Restaurante Parque Histórico de Carambeí para cada dia da semana, de terça a sexta, haverá uma promoção diferente. A partir de agora, a comunidade local e os visitantes do Parque sempre terão um novo motivo para tomar um delicioso café com sabor da Holanda no museu.

Para cada dia haverá uma promoção diferente e os produtos típicos holandeses são os protagonistas da ação. Mais informações pelos telefone 42 3231-5876 / 98433-4643.

Confira abaixo as promoções.

0

Parque Histórico terá entrada franca durante ExpoFrísia

Devido a realização da ExpoFrísia, entre os dias 26 e 28 abril, o Parque Histórico de Carambeí estará com entrada gratuita para visitação. O evento agropecuário organizado pela Frísia Cooperativa Agroindustrial contará com entrada franca e acontecerá no Pavilhão de Exposições da empresa, anexo ao Parque Histórico.

A ExpoFrísia é uma feira que acontece com o intuito de impulsionar a troca de experiências no setor e oferece aos produtores: serviços, produtos tecnológicos e o melhor da genética pecuária. O evento movimenta o agronegócio na região, gera contatos comerciais e resultados positivos.

Confira abaixo a programação do evento e mais informações no site expofrisia.com.br.

0

9ª Festa dos Imigrantes movimentará Parque Histórico

Com uma extensa programação a alegria da festividade ficará por conta de bandas com um repertório de música típica e apresentação de dança folclórica.

Música e arte trarão a alegria do Paraná de todos os povos para a 9ª Festa dos Imigrantes no Parque Histórico de Carambeí. O evento, que tem por finalidade celebrar o multiculturalismo da região, acontecerá de 4 a 6 de maio com entrada gratuita e contará uma vasta programação.

“Depois de um pequeno hiato entre uma edição e outra, a Festa dos Imigrantes retorna com uma programação incrível, voltada para as manifestações culturais, o que dá a essência ao nome da festa. Este evento celebra a diversidade étnica de Carambeí e a contribuição dos povos que aqui se estabeleceram”, relata Felipe Pedroso, historiador e coordenador cultural do Parque, sobre a festividade que conta com uma agenda preparada para atender visitantes de diferente idades.

 

Gastronomia étnica proporcionará ao público uma imersão cultural pelo paladar

No dia 4 de maio a Festa dos Imigrantes iniciará às 18h e o público está convidado para marcar o Happy Hour no Parque ao som banda Trovadores Celtas, de Ponta Grossa, que a partir das 18h30 tocará um repertório composto por músicas irlandesas e celtas. Será uma oportunidade para conhecer a praça de alimentação do evento e degustar pratos típicos de outros países, como: Líbano, Tailândia, Indonésia, Holanda, Hungria, Polônia, Canadá, Estados Unidos, Itália, Japão, França, Suíça, Alemanha, Noruega e Dinamarca.

O sábado e domingo, dias 5 e 6 de maio, a partir das 11h o Parque abrirá ao público e a programação contará com: uma praça de alimentação recheada de pratos étnicos, dança folclórica, aula show de gastronomia, Museu Interativo, música típica inglesa e alemã.

Felipe aproveita para deixar um convite para o evento. “Nossa vasta programação fará com que o visitante faça uma imersão cultural por meio da dança, da música, da alimentação e dos workshops gastronômicos, essa é uma ótima oportunidade para o público vivenciar diferentes culturas em um único lugar. Estão todos convidados para prestigiar o evento, a diversão é garantida!”

Confira abaixo a programação completa do evento e os horários das apresentações. Mais informações pelo telefone 42 3231-5063, ou e-mail agendamento@aphc.com.br.

0

Parque Histórico recebe exposição de Astrid Jonker

Na noite de terça (10), a artista plástica Astrid Veronica Jonker Schiochet recebeu convidados no Parque Histórico de Carambeí para o lançamento da Coleção Felinos. A mostra ficará na Casa da Memória até o dia 8 de maio, abre ao público de terça a domingo, das 11h às 18h, com entrada gratuita.

A exposição é composta por 38 quadros, nela foi utilizada a técnica de óleo sobre tela, com um traço firme e preciso Astrid retratou felinos com tanta precisão que as peças assemelham-se com fotografias.

As obras estão disponíveis para venda e os valores indicados nos quadros.

Astrid Jonker com os diretores do Parque Histórico de Carambeí. Na foto, Bauke Dijkstra, Astrid Jonker, Berenice Los, Cornélio de Rooy, Dick Carlos de Geus e Janus Katsman.

Astrid Jonker celebra o lançamento da exposição ladeada pelas amigas Daisy Carneiro e Cristina Roorda.

Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Não pode ser lido? Mude o texto. captcha txt