Postais que guardam memórias

E

m circulação a partir do século XIX os cartões-postais não possuem apenas a função de correspondência, são considerados formas de entretenimento que circulam pelo imaginário, um modo do sujeito viajar sem ausentar-se do lar. Com uma forte popularização no século XX, os postais eram ainda excelentes ferramentas de propaganda da cidade. Considerado item de colecionador, os postais representam o elo entre o turista e o local visitado. Ao voltar para casa, leva consigo uma memória afetiva proporcionada pela experiencia da viagem, é a maneira como o turista tem de tornar real o momento vivido. Na perspectiva de prolongamento da viagem, os postais não são uteis apenas para reafirmar a experiência do turista, são também excelentes ferramentas de propaganda da cidade. Através dos postais é possível refletir sobre o desenvolvimento de da região afim de perceber as transformações ocorridas na paisagem. Para além do item de colecionador os postais servem como pequenos fragmentos do cotidiano.

 

Saudade enviada por alguém, afeição, memória (Recorte do cotidiano)

Contate-nos

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Não pode ser lido? Mude o texto. captcha txt