1° Batalha dos Guararapes completa 363 anos

 In Cultura, Destaque, Noticias

Em busca da produção de açúcar, os holandeses criaram a Companhia das Índias Ocidentais, e atracaram na Bahia em 1624, munidos de 26 navios e 500 canhões, e conseguiram permanecer na cidade até o final do mesmo ano, quando tropas espanholas os expulsaram da cidade. Sendo assim, em 1630 rumaram para Pernambuco, ocupando uma área que ia do Sergipe ao Maranhão, aonde concentraram seus esforços e esboçaram um governo, que ficou conhecido como o Brasil-holandês.

A colonização holandesa no território pernambucano foi comandada por Mauricio de Nassau, e ficou marcado como um período de grande desenvolvimento e urbanização da região. Além disso, Nassau instituiu órgãos de representação municipal, semelhantes à câmara de vereadores, para que houvesse participação política da população, e colocou à disposição dos senhores de engenho recursos financeiros para a aquisição de maquinário e escravos para a fabricação do açúcar.

Em 1640, com o fim do domínio espanhol sob Portugal, o Rei João IV, retirou Pernambuco do domínio holandês e Nassau foi embora do Brasil. O Governo holandês resistiu no local, o que revoltou os proprietários de engenho, que há muito não estavam satisfeitos com a ocupação.

Os próximos anos foram de pequenas batalhas e tentativas infrutíferas de expulsar os holandeses das terras, o que culminou com a união de quatro lideranças que possuíam o mesmo objetivo: restituir integralmente Pernambuco ao Brasil. Em 1645, começou uma insurreição popular liderada por André Vidal de Negreiros defensor dos nordestinos, pelo senhor de engenho português João Fernandes Vieira, pelo índio Felipe Camarão, o ‘Potiguaçu’, e pelo líder dos escravos Henrique Dias. Os integrantes dessas tropas ficaram conhecidos como Patriotas.

O principal episódio da insurreição foi a 1° Batalha dos Guararapes, que aconteceu em 19 de abril de 1648. Na ocasião, tropas holandesas rumaram para a região do Cabo, em Pernambuco, visando ocupar a região, mas foram emboscadas pela tropa dos Patriotas. Após a batalha, na qual prevaleceu o conhecimento da região que só os brasileiros possuíam,  o exército holandês recuou. Em 1649, houve a 2° Batalha dos Guararapes, e novamente os holandeses foram derrotados, mas muitos deles permaneceram em Recife até o ano de 1654, aprisionados pelos Patriotas.

A união de diversas etnias que formam o Brasil, como a portuguesa, indígena e negra, faz a Batalha dos Guararapes ser referência como a primeira ocasião em que os brasileiros defenderam sua nação, incutindo no povo o espírito de rebeldia contra qualquer tipo de opressão, por isso o dia 19 de abril também é considerado o dia de origem do Exército Brasileiro.

.

Recommended Posts

Leave a Comment

Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Not readable? Change text.